Promovendo a Justiça - AEE ESAR


“A inclusão, implica proporcionar a todos os alunos as competências essenciais para que se integrem produtivamente na sociedade e possam continuar aprendendo por conta própria, para que dominando tais potencialidades não venham a ser, futuramente, excluídos da sociedade” (Pedagogías al servicio de la excelência humana - Antonio Péres Esclarín-2015).

Iniciamos nesta terça-feira (12) os trabalhos com os alunos assistidos pelo Atendimento Educacional Especializado (AEE) na ESAR. O primeiro passo foi realizar uma reunião para conversar com os pais dos alunos que serão assistidos, para deixar-lhes a par da missão específica deste setor da escola e ainda para dar-lhes ciência de como ele poderão colaborar com os trabalhos desempenhados com os educandos.

Neste ano de 2019 serão atendidos 40 alunos, cujo objetivo será trabalhar com eles no intuito de fomentar suas potencialidades e dar uma atenção especial às suas dificuldades, fazendo com que estas se tornem aliadas no processo de aprendizagem dos mesmos.

Em suas palavras, a professora Rosemere Impéres (Diretora Geral da ESAR) disse que “estamos neste lugar geográfico da cidade de Teresina por optamos pelas pessoas que aqui vivem e o trabalho que desempenhamos com estes educandos é uma opção que fizemos e deste modo buscaremos realizar esta missão da melhor maneira possível, de maneira especial no atendimento que prestaremos a estes educandos que exigem de nós atenção maior que os demais educandos”.

Complementando tal colocação a psicopedagoga Sílvia Patrícia, que compõe a equipe de trabalho juntamente com Andreia Oliveira (Psicóloga Educacional), ressaltou aos pais a importância de estarem colaborando com os trabalhos desempenhados pelo AEE, no que tange ao cuidado com os horários de atendimento e ao acompanhamento em casa, pois para ela “é uma oportunidade de inclusão social e desenvolvimento das habilidades presentes em cada um dos alunos, visando sempre o melhor desempenho na vida acadêmica e no convívio social que virá posterior à fase escolar”.

Os acompanhamento com cada educando serão nas terças, quartas e sextas-feiras de acordo com o que fora combinado com os pais, dentro de suas possibilidade tendo como finalidade sempre o magis no desenvolvimento integral dos educandos.

Comente!